terça-feira, 17 de abril de 2018

Um bunker pra dois

Mais uma vez estamos fugindo de tudo
E é sempre assim
Você sorri e eu não sei como resistir
Que esse mundo é todo cheio de farpas
E você me faz esquecer disso um tempo
E prosseguir
Ainda bem que há nós dois
Ainda bem que veio aqui
Pra eu não enlouquecer
Pra gente falar por horas
E tudo ficar mais fácil
Pra gente não se perder
Diz outra vez o quanto é engraçado
Ninguém perceber nossos olhares conversando
Sem nada dizer
Você me diz "fica aqui"
E eu digo "já estou"
Você me chama pra fugir e eu vou
Ainda bem que há nós dois
Ainda bem que veio aqui
Pra eu não enlouquecer
Pra gente falar por horas
E tudo ficar mais fácil
Pra gente não se perder
Que é tão estranho
A vida não recompensa os justos
Nem cobra quem faz mal
E eu esperei
Eu esperei até deixar de acreditar
Eu esperei até secar as lágrimas
Diz outra vez que somos
Nós contra o mundo
Foi sempre assim
Diz outra vez que sempre vai
Estar aqui por mim

quinta-feira, 29 de março de 2018

Inimigo eu, devorador de pecados

Qual suicídio, com pedras nos bolsos deixei afundar de uma vez 

O retrato em que pintei minhas dores com o próprio sangue que dissolvi em mil lágrimas de ódio e com pincéis que fiz de meus dissabores.


Escuro breu me diz que agora vai saciar pra sempre o que jamais se satisfaz.

É o inimigo eu sei, e por ser tão ruim, me salva de minhas próprias injurias


Refugio ingrato, apunhala de vez

esta crença maldita que me rasga as vísceras clamando vingança,

por tudo aquilo que passou,

por toda mágoa e rancor,

qual adagas, cravadas em sua couraça.


Tal corpo fraco insiste em me suspender sobre memórias de não sei bem quem.

É o inimigo eu sei, e por ser tão ruim, me salva de minhas próprias injurias.


Deixo-te escorrer com a água imunda que caminha em direção ao final, nas bocas perdidas.

E calado, abandono em ti as quimeras que, tolo, agarrei qual abraço que me preendeu a vida.


Expressão pálida me deixa respirar e busca teu algoz em qualquer outro lar.

É o inimigo eu sei, e por ser tão ruim, me salva de minhas próprias injurias.


É o inimigo, eu sei quem sou

terça-feira, 28 de novembro de 2017

Unfinished...

Eu gostaria que você pudesse colocar seu ouvido no meu coração

e escutar o quanto eu te amo


Eu ainda sonho com dezembro

Dançando juntos com alianças nos nossos dedos


E os dois tornar-se-ão...

domingo, 27 de agosto de 2017

Hoje enquanto tento terminar algumas palavras quais precisava te enviar, minha cabeça foi pra um ep do The OC que se chama The ties that bind, qual Jem toca uma versão de Maybe I'm amazed do Paul McCartney... Essa música diz o seguinte: 

'Talvez eu esteja maravilhado com a maneira que você me ama o tempo todo
E talvez eu esteja com medo com a maneira que eu te amo
Talvez eu esteja maravilhado com a maneira que você me tirou do tempo
E me enforcou em uma linha
Talvez eu esteja maravilhado com a maneira que eu realmente preciso de você

Talvez eu seja um homem e talvez eu seja um homem solitário
Que está no meio de alguma coisa
Que realmente não entende
Talvez eu seja um homem e talvez você seja a única mulher
Que poderia me ajudar
Querida, você não me ajudará a entender?'

Eu queria saber o porque, mas eu apenas preciso deixar isso aqui posto, enquanto te termino outras palavras... Palavras que ficarão só pra nós...

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Deixa pra lá ... なんでもないや


O vento que soprou pelo espaço entre nós, trouxe a solidão de algum lugar distante.

Depois de termos chorado, aquele céu sempre pareceu estar tão limpo.
As palavras do meu pai, sempre parecendo tão afiadas, pareceram de alguma forma calorosas hoje.
Sem saber sobre como falar de gentileza, sorrisos, ou sonhos... Eu te seguia o tempo todo.

É só um pouco mais... só um pouco mais... estamos quase lá.
É só um pouco mais... só um pouco mais...
Então que tal ficarmos juntos só um pouco mais?

Somos voadores do tempo! Alpinistas que escalam o tempo!
Estamos cansados de sermos deixados de fora do jogo de esconde-esconde do tempo!

A razão pela qual você chorava com tanta felicidade, e sorria com tanta tristeza, era porque seu coração tinha crescido mais do que você.

Os brinquedos que ganhávamos, depois de chegarmos ao ponto de desejar às estrelas, estão agora largados no canto deste quarto.
Os sonhos que desejamos que se tornem realidade chegaram aos cem hoje.
Algum dia, vamos trocá-los por somente um.

Hoje, eu tentei dizer, "Te vejo amanhã," pra aquela garota que nunca fala.
É legal fazer algo que não combina comigo de vez em quanto...
Especialmente quando você está ao meu lado.

Somos voadores do tempo! Alpinistas que escalam o tempo!
Muito, muito antes de ter aprendido meu próprio nome!

Tenho certeza que ainda há algum sentido em um mundo sem você...
Mas um mundo sem você é como agosto sem férias.

Um mundo sem você é como um Papai Noel que não sorri.
Um mundo sem você é...

Mas deixa isso pra lá... é, deixa pra lá
Estou indo até você agora!

A razão pela qual eu chorei com tanta felicidade, e sorri com tanta tristeza,
Era porque meu coração tinha crescido mais do que eu mesmo.

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Karinho

No lugar onde flores de cerejeira colorem o chão
À noite eu giro, em pensamentos sobre ti
Eu sou a pessoa mais feliz deste mundo
Neste momento em que flores de todas as cores florescem
Incessantemente, eu giro em pensamentos sobre ti
Ao teu lado eu sou a melhor pessoa do mundo

Cansado de ser crivado por mentiras de amor
Estava sem fôlego até te encontrar

A escuridão que cai transmite que a suave mão do destino
joga-me nas profundezas de teu paraíso
Fugazmente, fielmente
Eu voo baixo

No lugar onde flores de cerejeira colorem o chão
À noite eu giro, em pensamentos sobre ti
Eu sou a pessoa mais feliz deste mundo
Neste momento em que flores de todas as cores florescem
Incessantemente, eu giro em pensamentos sobre ti
Ao teu lado eu sou a melhor pessoa do mundo

sábado, 18 de março de 2017

Melancolia Branca, The GazettE... (Canção dos quase 30)


Do outro lado da cortina que está flutuando com o vento
A voz fraca que tremulava não vinha de meu corpo
Foi quando eu notei a minha perda pela primeira vez

Indelevelmente marcadas com um sentimento de medo do qual eu não posso me livrar
Eu pareço esquecer o calor das suas mãos limpas
O sentimento de segurança foi levado embora pelas parades brancas
Quantos abris eu terei que ver antes do fim?

Ao cruzar caminhos que podem facilmente sucumbir deste modo
Então isso é mais frágil do que eu posso expressar
Vagarosamente eu estou sendo embalado pela tristeza
Isso não é refletido nos sorrisos que eu sempre retribuo
O que eu farei com essa melancolia?
Sendo refletida pelas minhas fraquezas, uma vez que eu passei a conhecer o significado das transitoriedades
Neste momento é como se eu estivesse te protegendo, te abraçando
Dizendo que sua resposta é uma mentira
Eu rio deste sonho ruim

Ao cruzar caminhos que podem facilmente sucumbir deste modo
Então isso é mais frágil do que eu posso expressar
Eu continuo simplesmente aguentando, eu não consigo nem sequer respirar
Eu estou escondendo completamente as palavras que eu não digo
O que eu farei com essa melancolia?
O ansiado amanhã que eu busquei ainda está florescendo
Como uma chama que está te protegendo
Tremulando, tremulando, tremulando

Do outro lado da cortina que está flutuando com o vento
A voz voz fraca que tremulava não vinha de meu corpo
Foi quando eu notei a minha perda pela primeira vez